A turma do 1º ano A, do Centro Tecnológico Frederico Jorge Logemann utiliza a estrutura de laboratórios da FAHOR, semanalmente, para aulas de Física e Química. Entre as atividades práticas já realizadas, os estudantes utilizaram óculos de realidade virtual para simular movimentos.

   Inicialmente, a professora Diane Raquel Zientarski trabalhou as Leis de Newton, com uma revisão sobre velocidade e aceleração. A docente explica que os conteúdos relacionados aos movimentos ficam muitas vezes limitados às expressões matemáticas. “Trazer a realidade virtual para aliar a teoria e a prática, faz com que os alunos percebam e entendam estes fenômenos além da matemática”, comenta Diane.

   Entre as simulações realizadas esteve a de uma montanha russa, que possibilitou discussões sobre a primeira Lei de Newton,  a Inércia, entre outros assuntos. “Por meio de jogos e programas que eles utilizam em seus celulares, podemos mostrar os fenômenos físicos. Assim, é possível trazer a Física para a vida cotidiana dos estudantes e estimular os mesmos a buscar entender os fenômenos que os cercam”, relata Diane.

n 1652